» 1.7 Comunicações » Definições oficiais das radiações


Definições oficiais das radiações

Quais são as definições que fundamentam os níveis oficiais de radiação autorizada, e que ajudam a compreender os limites dos dois efeitos, térmicos e não-térmicos?


Limites de Referência
 
São os valores máximos permissíveis para os níveis de campo elétrico, campo magnético e densidade de potência, num dado ambiente.

São estabelecidos por organismos internacionais acreditados, com base nos Efeitos Térmicos e são medidos com equipamento apropriado.

Limites de Segurança 
São os valores máximos permissíveis para os níveis de energia eletromagnética absorvidos pelo corpo humano. São estabelecidos por organismos internacionais acreditados, com base nos Efeitos Térmicos.

Efeito Adverso para a Saúde 
Chama-se Efeito Adverso para a saúde quando o efeito biológico está fora da gama normal de compensação do corpo, conduzindo a um problema de saúde.
 
Efeito Biológico 
É a resposta do organismo a um estímulo ou a uma alteração do meio envolvente, e que se pode medir.

Efeito Térmico 
Efeito biológico da exposição à radiação de radiofrequência, traduzido pelo aquecimento local dos tecidos.

Efeito Não-Térmico 
Outros efeitos biológicos da exposição à radiação de radiofrequência, em que não está presente o mecanismo da elevação da temperatura dos tecidos.




Não obstante todas estas definições oficiais, o facto é que as autoridades dos países que ainda seguem exclusivamente os limites térmicos, passam por alto os efeitos não-térmicos das radiações, o que é incompleto e pode pôr em risco a saúde das pessoas. 


Imprimir   
topo topo
     Fertilidade Gravidez Crianças
Geohabitat (c) 2009